Envie-nos um email -begue@rhassil.com.br. || Webmail

3 dicas para gatos com asma

Date: fevereiro 21, 2016 Author: rhassil Category: Sem categoria

Gatos estão propensos a sofrer com crises de asma felina, doença clinicamente conhecida como bronquite alérgica ou asma brônquica, que é uma enfermidade obstrutiva dos pulmões. É mais comum em fêmeas, com idades entre dois e oito anos, sendo uma das raças mais acometidas com a doença a Siamesa – incluindo os animais mestiços de Siameses.

 

Os sinais mais indicativos da doença são tosse e dificuldade respiratória. A asma não tem cura, mas sim, controle. O diagnóstico pode ser feito com uma radiografia torácica onde se avalia alterações nos brônquios.

 

As causas podem ser inúmeras, por isso, existe uma grande dificuldade em descobrir o real motivo de contrair a asma felina. Entre as possibilidades está a fumaça do cigarro, poeira da areia da caixa higiênica, incenso, detergentes, pó e perfume. Além disso, existem as causas alimentares e infecciosas, como a contração por fungos da pele ou parasitas intestinais.

 

Quando em crise, o felino deve ser tratado com o uso de agentes corticosteroides e broncodilatadores – dependendo do quadro, o tratamento pode ser também a base de oxigenioterapia e antibióticos. Gatos obesos tendem a passar por uma dieta que consiste na redução do peso para colaborar com a respiração durante as crises.

 

Listamos alguns sinais que ajudam a identificar os sintomas da asma, como também, mostraremos dicas que ajudam na prevenção da doença, confira!

 

1 – Saiba identificar

 

Fique atento com as tosses secas do felino, tendo em vista que as tosses de asma imitam a característica de expelir uma bola de pelo, ou então vômito. Identifique chiados e a dificuldade em respirar. Os ataques podem acontecer várias vezes por dia, ou então, em intervalos de semanas. Saiba quando levar o animal ao veterinário para um diagnóstico e tratamento exato.

 

2 – Hábitos que devem ser evitados

 

Não faça do seu felino um fumante passivo! Evite fazer com que ele respire a fumaça do cigarro, tendo em vista que ela pode ser uma das causas da contração de asma no animal. Procure não usar o spray aerosol próximo do felino, bem como mantenha a casa livre de poeira.

 

3 – Hábitos saudáveis
Dê alimentos sem conservantes e faça uma dieta livre de corantes. Mantenha o felino em forma; uma caminhada por dia pode colaborar com a saúde do animal e mantê-lo longe de eventuais problemas!

41 99893-4332
Oi! Estou entrando em contato pelo site, pode me ajudar?
fale conosco pelo
WhatsApp
WEB